sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Grande, em que sentido?

Ontem a entrevista a Filipe Menezes foi tudo menos uma "Grande Entrevista". E não por culpa do entrevistado. Pouco ou nada se soube das ideias do líder social-democrata para a Segurança Social, a Justiça, a Segurança Pública, etc, etc.
Tempo perdido a falar de Santana Lopes que bem podia ser investido em dar a conhecer as ideias do entrevistado.
A coisa também não deve ter demorado mais de 45 minutos. Muito menos do que habitualmente dispõe qualquer comentador de futebol.
"Grande" serviço público, não haja dúvida.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home